quinta-feira, 12 de abril de 2012

FAZER ACONTECER !



Existem 5 tipos de pessoas no mundo:
•    as que fazem as coisas acontecerem;
•    as que acham que fazem as coisas acontecerem;
•    as que observam as coisas acontecerem;
•    as que se surpreendem quando as coisas acontecem;
•    as que não sabem o que aconteceu.

Muitas vezes me sinto parte da primeira categoria. Outras ocasiões me vejo lá no final da fila. A verdade é que ninguém tem controle absoluto sobre nada. Algumas pessoas são mais ousadas. E o que as torna especiais é que nunca – ou quase nunca – têm medo de ousar, de ser diferente. Não tenho certeza se ”a diferença é que faz a diferença”, mas lembrando o bom e sábio Einstein: como você pode querer um resultado diferente se repete continuamente as mesmas coisas e faz tudo religiosamente igual?
Arriscar-se é o segredo de quem faz acontecer ou que provoca mudanças. E se você quer um lugar ao sol, bem… terá que aceitar e suportar algumas queimaduras. E para arriscar-se é necessário mais do que a vontade de acreditar no possível ou impossível. Tem que ter o desejo de descobrir, que é justamente o oposto. É uma aventura, um salto, com suas
consequências, nem sempre ponderáveis.
Reconheço também que fazer acontecer é como semear. Você é responsável pela iniciativa de plantar a semente. Como há um tempo para cada coisa, depois dos primeiros movimentos é preciso aguardar a ação natural. Em seguida você retoma sua parte no processo, cuidando do que plantou e integrando-se à energia que impulsiona a nova vida, mantendo-se presente durante todo o “jogo”. Vem o tempo da maturação e depois a hora para colher os frutos, doces ou amargos. É a dança do Universo.
Mas se você quer ser conhecido como alguém que faz acontecer, também deve incluir em suas qualidades o desejo de desenvolver pessoas, entender o resultado das escolhas, a possibilidade de errar e ter que começar tudo de novo. Vai ser preciso ter coragem para tomar decisões, agir e reagir, mover e acalmar.
Fazer parte dos acontecimentos é estar fluindo com a Evolução. Ela não pára, nem espera. Segue em frente.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário: